domingo, 28 de fevereiro de 2010

Regresso do Joni ... e uma voltinha caseira

Ia eu a pedalara a ritmo apressado em direcção ao ponto de encontro quanto surge uma "brinquedoteca itinerante" à minha frente, em quem sai de lá de dentro?
O Pegatines, claro!
Por momentos pensei que ainda estava a sonhar mas era mesmo verdade.
Cá está ele!
Para minimizar o impacto físico (e o peso da burra) no regresso do Joni, optamos por uma voltinha caseira, pela Penha.
Começamos pelo degrau do Parque da Cidade.
Esta é a fotografia que o Pegatines tirou ao Flecha e a minha .... não saiu ... obrigado Pegatines.
O dia estava bem bonito pela manhã, é bem verdade quando se diz que "depois da tempestade vem a bonança" (pena ter durado pouco tempo)
A luvinha GForce do Pegatines, já para não falar da tala artesanal que colocou no dedo, já nada de surpreende!
Parece que tentou, numas chamadas às 8:00 da manhã, o empréstimo de umas luvas, mas um tinha o telefone em silêncio (que tem filhos pequenos e blá, blá, blá ...) e outros dois apareceram, um por freguesa e outro por doença. As melhoras para os dois.
No aquecimento já se antevia o resto da volta ...
Joni, a estrear a sua Scott Ramson 40, cheio de força (ainda).
A habitual boa disposição do Pegatines.
Problema: será fundo?
Solução: Pegatines verifica, estreando as suas meias impermeáveis.
Resultado: "no problemo"
Mesmo assim o Joni optou por ir por cima ...
... muito por cima!
Flecha adoptou uma solução manual.
Aqui o Flecha explicava ao Pegatines como tudo aconteceu à 15 dias atrás ... reparem no olhar atento do Pegatines.
... e depois para aqui ... depois para ali ... e .... catrapum .... eh!eh!eh!
Nesta rampa fui atropelado pelo Joni.
Já sabia que não simpatizava muito comigo, mas logo pela manhã, na primeira volta!
Pegatines, num ataque cauteloso.
Pausa para comer qualquer coisita e para afinar os pedais do Joni.
Não falta nada na super-mochila do Pegatines.
Descemos o single "Atinamen/Pegatines".
Que estava um manto de folhas, ramos e cascas, que caíram das árvores ontem na tempestade.
Flecha.
Joni, que já esboçava leve sorriso.
Mais à frente, na passagem das pedras.
Joni, no ultimo degrau.
A saída manhosa.
E o Pegatines facturou ...
Subimos novamente em direcção à Penha.
E o Joni já começava a sentir bem os quilos da sua Ramson.
Este era o seu estado à chegada ao hipódromo, portanto, a meio caminho, imaginam lá em cima ...
A mata na envolvente ao hipódromo foi toda limpa, está lindíssima.
Joni, homem do dia.
Pegatines, já no início da ultima descida.
Flecha.
Joni, que momentos antes afirmara: "se é para descer eu continuo, caso contrário vou indo".
Ainda tivemos que desviar uns troncos.
Flecha a ajudar o Pegatines.
Flecha a dominar ...
Pegatines a tentar ...
Joni a sobreviver ...
Flecha a voar ... (fotografia do dia)
Pegatines igualmente a voar ...

Joni, a ... passar!
Na pista de freeride o Joni já estava mais animado, vontade havia ... mas as pernas já não correspondiam.
Flecha à entrada para um S.

Foi uma voltinha caseira muito animada, com 22 kms e 672m de acumulado, em que no final fomos premiados com uma chuva gelada.

Parabéns ao Joni, que se aguentou firme, e que a sua presença seja agora mais frequente, porque para descer está visto que temos homem!

P'rá semana estou out, vemo-nos no Gerês.

2 comentários:

Vulcão disse...

Gostinho não sabia que a minha presença era tão importante para ti... Agora que já sei, não volto a falhar! Espero que me desculpes pelo falhanço!
Team SPECIALIZED sempre!

Vulcão disse...

Gostinho não sabia que a minha presença era tão importante para ti... Agora que já sei, não volto a falhar! Espero que me desculpes pelo falhanço!
Team SPECIALIZED sempre!